Imagem: Jaques Faing

Bio

Foto: Marjorie Sonnenschein

Paola Prestes é cineasta documentarista pela Serena Filmes e roteirista. Por quase 15 anos realizou documentários para agências de comunicação e, paralelamente, vários curtas-metragens, entre eles o premiado Na cama com King (2002). Seus dois longas-metragens Flávio Rangel - O teatro na palma da mão (2009) e Massao Ohno - Poesia Presente (2015) estrearam na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, passando depois nos canais Curta! e Film & Arts, além de projeções especiais na Biblioteca Mário de Andrade e na Flip. Foi roteirista da Rede Globo.
Tem doutorado em Cinema (pesquisa arquivos fílmicos) pela ECA-USP e nos últimos 10 anos tem sido professora visitante de cinema documentário nos cursos de pós-graduação da Fundação Getúlio Vargas e da Fundação Armando Alvares Penteado, além de dar oficinas e palestras de documentário no SESC, SENAC e no MIS de São Paulo.
Longas

Massao Ohno, um dos maiores artistas gráficos brasileiros e editor de poesia abre caminho nos anos 60 para a poesia paulista publicando a Antologia dos Novíssimos. Lança Hilda Hilst e Roberto Piva, redefinindo não apenas o horizonte da poesia brasileira contemporânea, mas revolucionando...

Documentário sobre a trajetória de Flávio Rangel, um dos mais importantes diretores do teatro brasileiro. Com Antunes Filho, Gianfrancesco Guarnieri, José Celso, Antônio Abujamra e Augusto Boal, fez parte da primeira geração de diretores a realizar espetáculos genuinamente brasileiros. Encenou mais de 50 espetáculos...

Curtas

Videoinstalação com artistas que participaram do programa de residência que a FAAP mantém na Cité des Arts, em Paris.

Encontros e desencontros dentro de um salão de dança da cidade de São Paulo.

Documentário sobre Iran do Espírito Santo e sua retrospectiva na Estação Pinacoteca, em 2007.

Curta-metragem sobre o lado blues do samba.

O dia a dia da cidade de São Paulo visto através do para-brisa e janelas de um carro.
“O filme é fascinante para os espectadores (aqueles que aceitam o contrato) que se deixam levar por esse tempo que corre indefinido (...). Paola Prestes expressa uma vivência de São Paulo. Diário de Bordo é uma das formas da nossa sensibilidade à cidade.”
Jean-Claude Bernardet
(Caminhos de Kiarostami, Companhia das Letras, 2004)

Uma conversa sobre sexo de rara honestidade, gravada durante a 6ª Parada do Orgulho Gay de São Paulo.

Videoinstalação gravada durante a montagem e abertura da Bienal Comemorativa de São Paulo de 2001. Artistas e público falam sobre arte em três projeções simultâneas.

Mulheres de diversas classes sociais discutem casamento, filhos, sexo, trabalho e profissão.

Curta-metragem sobre cidadania gravado durante a 5ª Parada do Orgulho Gay de São Paulo.

Apoie

A Serena Filmes está procurando patrocínio, parcerias e apoios para o documentário de longa-metragem Sérgio e Dorival - O terno outono.

Sinopse:
O documentário conta duas histórias indissociáveis: a relação amorosa de 47 anos de Sérgio Viotti e Dorival Carper, e a atuação de ambos em várias frentes de produção cultural e criação artística no Brasil por todo tempo em que viveram juntos, de 1962 até a morte de Sérgio em 2009. Sérgio era ator, diretor de teatro, escritor, dramaturgo, tradutor, mas também locutor de rádio, tendo passado nove anos em Londres trabalhando para a BBC nos anos 1950. Dorival era ator e tornou-se produtor das peças encenadas por Sérgio. A colaboração de ambos foi fundamental no momento da fundação da Rádio Cultura nos moldes que a conhecemos hoje, a primeira a tocar exclusivamente música clássica no Brasil. Sérgio também trabalhou na Rádio Eldorado e ambos tiveram programas na Rádio MEC. No filme, nove anos após a morte de Sérgio, em 2009, Dorival fala sobre a parceria de vida e profissional de ambos.

Contato

paola@serenafilmes.com.br

Cel. / Whatsapp (11) 99157-1793

serenafilmes © 2019 paola@serenafilmes.com.br - website: homembala